terça-feira, 20 de janeiro de 2009

Look at this face
I know the years are showin'
Look at this life
I still don't know where it's goin'
I don't know much
But i know i love you
And that may be
All i need to know
Look at these eyes
They never seen what mattered
Look at these dreams
So beaten and so battered, hoo¡­ooh¡­
I don't know much
But i know i love you
And that may be
All i need to know
So many questions
Still left unanswered
So much
I've never broken through
And when i feel you near me
Sometimes i see so clearly
The only truth i've ever known
Is me and youLook at this man
So blessed with inspiration
Look at this soul
Still searching for salvation
I don't know much
But i know i love you
And that may be
All i need to know
I don't know much
But i know i love you
That may be
All there is to know, whoa¡­oh¡­oh¡­oh¡­ah
(Dont know much, Linda Ronstadt

sexta-feira, 16 de janeiro de 2009

Cortesia



"Assim como a cera, naturalmente dura e rígida, torna-se, com um pouco de calor tão moldável que se pode levá-la a tomar a forma que se desejar, também se pode, com um pouco de cortesia e amabilidade, conquistar os obstinados e os hostis "


Schopenhauer , Arthur


Um olhar...



"Os olhos são os intérpretes do coração, mas só os interessados entendem essa linguagem"
Pascal , Blaise

sexta-feira, 9 de janeiro de 2009

São só vantagens...

Conversa na manicura...
- (sofia) Pois, convidei a Michelle para a reunião do tuppersex, mas apesar dela ser tão aberta nas conversas sobre o sexo, não achou muita graça no convite...

- (carina) sabes como é, acho que aquilo entre ela e o marido.... já era....

- (sofia) Olha... atão, ainda melhor, não compra para usar entre o casal, compra só para ela, se já não sexo, compra vibradores...

-(carina) mas acho que ela também não se sente muito bem com ela própria, com o corpo...

-(sofia) Boa, e então?
Primeiro, já viste algum vibrador dizer... hum, querida, acho que tas a ficar mais gorda...
segundo, nem precisa apagar a luz porque ele não vê...
terceiro, tá ali sempre pronto, disposto a,
quarto, se não lhe apetecer também não precisa fingir dor de cabeça,
e quinto, o orgasmo tá sempre garantido...

(com estes argumentos até eu fiquei convencida, alem disso, também não sofrem de depressão, não são complicados, impacientes, machistas... Não deixam a tampa da sanita levantada, não ressonam... não vão comer para o sofá e deixam migalhas espalhadas... ui... tanta coisa... Mas não te preocupes amor, não te troco por ele, mas lá que uma mulher fica a pensar nas vantagens, lá isso fica!!!!!!!)

Sofia cc

Sonhos Prometedores


Tenho mais pena dos que sonham o provável, o legítimo e o próximo,
do que dos que devaneiam sobre o longínquo e o estranho.
Os que sonham grandemente, ou são doidos e acreditam no que sonham e são felizes,
ou são devaneadores simples, para quem o devaneio é uma música da alma,
que os embala sem lhes dizer nada. Mas o que sonha o possível tem a possibilidade real da verdadeira desilusão. Não me pode pesar muito o ter deixado de ser imperador romano, mas pode doer-me o nunca ter sequer falado à costureira que, cerca da nove horas, volta sempre a esquina da direita.
O sonho que nos promete o impossível já nisso nos priva dele, mas o sonho que nos promete o possível intromete-se com a própria vida e delega nela a sua solução. Um vive exclusivo e independente; o outro submisso das contingências do que acontece.



Fernando Pessoa, in 'O Livro do Desassossego'

quinta-feira, 8 de janeiro de 2009

terça-feira, 6 de janeiro de 2009

"Suave" (Damar, David martins)

"O pudor inventou a roupa para que se tenha mais prazer com a nudez "
"Note Azzurre" Autor: Dossi , Carlo

Ternura



Desvio dos teus ombros o lençol,
que é feito de ternura amarrotada,
da frescura que vem depois do sol,
quando depois do sol não vem mais nada...

Olho a roupa no chão: que tempestade!
Há restos de ternura pelo meio,
como vultos perdidos na cidade
onde uma tempestade sobreveio...

Começas a vestir-te, lentamente,
e é ternura também que vou vestindo,
para enfrentar lá fora aquela gente
que da nossa ternura anda sorrindo...

Mas ninguém sonha a pressa com que nós
a despimos assim que estamos sós!
David Mourão-Ferreira, in "Infinito Pessoal"

domingo, 4 de janeiro de 2009

- TE

(fotografia de David Martins, Damar)


"Há pessoas que entram na nossa vida por acaso, mas não é por acaso que elas permanecem" William Shakespeare